11/09/2021 10h06

Conheça a nova tecnologia que protege mensagens trocadas no WhatsApp

Novidade vai estar disponível primeiro para os usuários da versão beta e depois para os comuns tanto iOS como Android

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

PUBLICIDADE
Delta Ativa

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

CLIQUE AQUI

 

O WhatsApp anunciou, nesta sexta-feira (10), a adoção de uma nova ferramenta para proteção de mensagens trocadas no aplicativo. A ideia é oferecer ao usuário a possibilidade de escolher se deseja criptografar os dados de ponta a ponta em plataformas de armazenamento na nuvem, como Google Drive ou ICloud. 

 

A criptografia de ponta a ponta já é um recurso utilizado pelo WhatsApp e não é algo opcional. Só quem envia e quem recebe a mensagem consegue lê-la, nem mesmo a empresa do aplicativo tem essa permissão. A novidade, opcional para os usuários e sendo a representação de mais uma ferramenta para a proteção das mensagens, vai estar disponível primeiro para os usuários da versão beta e depois para os comuns tanto iOS como Android. 

 

Há alguns anos o aplicativo permite que o usuário realize a recuperação de conversas caso troque ou perca o celular. Agora, com a nova ferramenta, elas podem ser criptografadas. O WhatsApp tem dois bilhões de usuários e apresenta um fluxo de mensagem de mais de 100 bilhões por dia. 

 

O anúncio da nova camada de proteção foi realizado por Marc Zuckenberg, CEO do Facebook e do WhatsApp, que ressaltou a dificuldade para a estruturação do serviço.

 

Estamos adicionando outra camada de privacidade e segurança ao WhatsApp: uma opção de criptografia de ponta a ponta para os backups que as pessoas escolhem armazenar no Google Drive ou iCloud. O WhatsApp é o primeiro serviço global de mensagens nessa escala a oferecer backups e mensagens criptografadas de ponta a ponta, e chegar lá foi um desafio técnico realmente difícil que exigiu uma estrutura inteiramente nova para armazenamento de chaves e armazenamento em nuvem entre os sistemas operacionais”, diz em post no Facebook.


FONTE: SBT NEWS / VIA: SCC10

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOK YOUTUBE.
PUBLICIDADE
Anderle Telhas e Acessórios