Rui Car
16/05/2022 16h57

História da Harpa Cristã: o maior hinário com canções de adoração

Hinário Oficial da Igreja Assembleia de Deus completa 100 anos em 2022

Assistência Familiar Alto Vale
Delta Ativa

Muito mais do que o hinário oficial da igreja Assembleia de Deus, a Harpa Cristã é uma das pedras angulares do Cristianismo dos nossos tempos. Afinal de contas, entoar cânticos edificantes e louvores é uma demonstração de fé e agradecimento. Atualmente, esse abençoado livro reúne 640 hinos que são partes indispensáveis dos cultos. Essas obras musicais podem expressar devoção, gratidão e são verdadeiras conexões com o Criador.

 

A intensidade dessas músicas é capaz de agradar até mesmo as pessoas que não frequentam a igreja. No texto de hoje, você conhece um pouco da história da Harpa e confere as cifras de alguns hinos. Importante: são mais de 100 anos de história. É impossível contar tudo, nos mínimos detalhes, em um post. Ao longo da nossa conversa, abordaremos alguns dos principais recortes da história do maior hinário com canções de adoração a Jesus Cristo.

 

O que é a Harpa Cristã?

 

Harpa Cristã é o hinário oficial da igreja Assembleia de Deus (AD), que possui, no Brasil, cerca de 22,5 milhões de fiéis. Fundana em 1911, em Belém (PA), pelos missionários sueco-americanos Gunnar Vingren e Daniel Berg, a igreja é considerada a maior denominação pentecostal do mundo. A Harpa foi criada para reunir os cânticos da congregação e facilitar o louvor a Deus durante as atividades da igreja. Há hinos entoados nos batismos, nos cultos, nos casamentos e nos funerais. Seu conteúdo é divido por temas direcionados para tipos de assuntos diferentes, como, por exemplo:

 

 – Comunhão

 – Mensagens do Evangelho

 – Consagração

 – Testemunhos

 – Conversão

 

O surgimento da Harpa Cristã

 

Em seus primórdios, a exemplo de outras igrejas de correntes protestantes, a Assembleia de Deus utilizava o hinário “Salmos e Hinos”. Em razão de suas peculiaridades, os pioneiros da AD entenderam a necessidade da criação de um hinário que englobasse as doutrinas pentecostais. A partir dessa demanda, surgiu o Cantor Pentecostal, em 1921. A publicação reunia 44 hinos e 10 corinhos e foi distribuída pela Assembleia de Deus do Pará. Esse livro foi impresso pela tipografia Guajarina, com a supervisão editorial de Almeida Sobrinho, que também editou jornais da denominação.

 

A primeira versão da Harpa Cristã

 

A primeira Harpa Cristã foi lançada em Recife, no ano de 1922. O trabalho editorial foi conduzido pelo Pastor Adriano Nobre. Com tiragem de mil exemplares, e 300 canções, a obra foi compartilhada Brasil afora pelo missionário sueco Samuel Nyström. Em 1932, foi lançada uma versão com 400 hinos. Nyström não era fluente em língua portuguesa. Apesar das barreiras do idioma, ele conseguiu traduzir várias letras da hinódia original da Escandinávia.

 

Durante a Convenção Geral Das Assembleias de Deus no Brasil, no ano de 1932, uma comissão foi formada para editar e publicar a primeira versão da Harpa Cristã com música. Veja alguns personagens que fizeram parte desse momento da história:

 

 – Emílio Conde — integrante do Coral da Assembleia de Deus, organista e acordeonista

 – Samuel Nyström — missionário sueco e pastor da denominação e tradutor de hinos

 – Paulo Neivas Macalão — autor e adaptador de diversos hinos da Harpa Cristã

 – Nils Kastiberg — missionário sueco, evangelista e pastor

 

Atualizações da Harpa Cristã

 

Com o passar dos anos, outros hinos foram sendo adicionados à Harpa Cristã, até que o hinário alcançasse 524 letras. Em 1979, um conselho administrativo da Assembleia de Deus nomeou uma comissão para rever músicas e letras da Harpa Cristã. A versão atualizada só foi lançada em 1992. Apesar de aceita em muitas igrejas, porém, a maioria delas optou por manter o hinário tradicional em seus cultos e liturgias. As demandas da AD impulsionaram a ampliação da Harpa Cristã. Com esse upgrade, mais 116 hinos foram adicionados ao hinário.

 

O lançamento da Harpa Cristã ampliada, em 1999, com 640 hinos, foi um marco para a hinódia pentecostal da congregação. Outras igrejas cristãs, incluindo as neopentecostais, utilizam hinos da Harpa durante seus louvores e adoração. Independente de qual doutrina é seguida, o papel desse hinário continua sendo o de impulsionar a evangelização dos ensinamentos de Jesus Cristo. Afinal de contas, a música une o que muitas coisas por aí separam.

 

A importância de Frida Vingren para a Harpa Cristã

 

Frida Maria Strandberg Vingren foi casada com Gunnar Vingren, um dos membros fundadores da Assembleia de Deus no Brasil. Atuou como missionária, enfermeira, jornalista, poetisa, articulista e tradutora. Além disso, era multi-instrumentista e compositora. Frida Vingre cantava, tocava órgão, violão e compôs mais de 20 hinos da Harpa Cristã, incluindo o Hino 126 – Bem Aventurança do Crente.

 

O ministério de Frida, no entanto, desagradava a pastores suecos e brasileiros. Entre outros vetos, ela ficou de fora da primeira Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil. Em 1935, Frida Vingren foi internada contra sua vontade em um hospital psiquiátrico de Estocolmo, onde perdeu quase 40 quilos. A ex-missionária morreu em 30 de setembro de 1940. Atualmente, a AD reconhece que Frida foi “uma mulher cristã à frente do seu tempo”. Segundo a igreja, “a liderança desta mulher pioneira e sua atuação foi de suma importância para a consolidação da Assembleia de Deus no Brasil”.

 

Fonte: Terra
Anuncie Aqui