Rui Car
14/04/2022 16h37

Publicações com trilha sonora de artista catarinense atingem 86 milhões de visualizações

Canção "Simplicidade", de Luiz Vicentini, foi colocada em mais de 17 mil vídeos rápidos do Instagram

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Delta Ativa

A música “Simplicidade“, do artista catarinense Luiz Vicentini, bombou no Instagram com 86 milhões de visualizações em postagens. A canção se tornou trilha sonora de mais de 17 mil vídeos rápidos da rede social, conhecidos como Reels.

 

A obra é composta e interpretada por ele, com letra em parceria com Valdir Cechinel Filho.

 

 

Nos surpreendemos, Valdir e eu, quando soubemos, há poucos dias, que a música Simplicidade vem sendo postada mais de 150 vezes por dia no Reels do Instagram, aparecendo em mais de 17 mil postagens de vídeos usando a música, com média de 5 mil visualizações em cada postagem; somando 86 milhões de visualizações”, celebra Vicentini.

 

Considerando que não fizemos nenhum tipo de impulsionamento pago, vemos isso como uma possível viralização da canção, o que nos deixa muito felizes”, afirma o artista.

 

A música “Simplicidade” está no álbum “Os Passos do Poeta”, lançado em 2019, com participação especial do cantor e compositor Renato Teixeira.

 

A canção também está no álbum “Eu Nunca Chegarei Só”, de Valdir Cechinel Filho & Amigos, lançado em 2021.

 

A música fala sobre as coisas singelas da vida como andar descalço, colher fruta do pé, cheiro de mato, água cristalina, fogão a lenha e a beleza da lua cheia. A paz que a natureza proporciona foi a inspiração para essa composição e ver nosso trabalho alcançando tantos corações nos deixa imensamente honrados”, destaca o parceiro de Luiz, Valdir Cechinel Filho.

 

O Reels do Instagram é um dos recursos mais populares da rede social. Lançada em 2020, a função permite aos usuários gravar e editar vídeos curtos para os Stories do aplicativo.

 

Os desafios de trabalhar com música em SC

 

O baterista Douglas Luiz Peres vê a falta de acessibilidade financeira aos instrumentos como um dos maiores empecilhos. Doug LP, como se chama artisticamente, é formando em Música pela Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) e trabalha com aulas de bateria online e presencialmente em Florianópolis.

 

Além dos valores elevados dos instrumentos, que são na maioria das vezes importados, o artista cita os altos preços de aulas como um impedimento para que a música chegue a mais e mais pessoas.

 

Na contramão, Doug acredita que os músicos precisam mesmo ser valorizados e ser remunerados levando em consideração o impacto do trabalho que realizam.

 

Eu toco bateria há mais de dez anos. Se eu dedicasse esse mesmo tempo a uma graduação qualquer poderia ser até um pós-doutor, mas nesse ramo não existe essa valorização. Com a música dá para ganhar dinheiro, mas não é equivalente à importância do nosso trabalho.”

 

Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios