Rui Car
15/02/2022 10h30

Vídeo: Nasa divulga primeiras imagens visíveis da superfície do planeta Vênus; veja

Imagens foram capturadas pela sonda Solar Parker enquanto transitava pelo lado escuro do planeta

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Reprodução / Nasa

Foto: Reprodução / Nasa

Delta Ativa

A Nasa (National Aeronautics and Space Administration) divulgou as primeiras imagens da superfície do planeta Vênus em luz visível. As imagens foram captadas pela sonda Solar Parker, enquanto transitava pelo lado escuro do planeta.

 

Segundo a agência espacial norte-americana, as imagens são importantes para auxiliar os pesquisadores a obterem maiores informações a respeito da topografia do planeta. As informações são do site Mundo Conectado.

 

Os cientistas fizeram uma comparação de imagens obtidas pela sonda com mapas topográficos, criados com radar, para analisar como as temperaturas do planeta se modificam, dependendo da altitude.

 

Para conseguir a captação das imagens a sonda Solar Parker apontou um conjunto de câmeras especiais chamado WISPR (Geradoras de Imagens de Campo Largo da Sonda Solar) para o lado escuro do astro, enquanto transitava por ele entre o período de 2020 e 2021.

 

 

Os resultados revelam que elevações do planeta têm a tendência a ser mais frias e locais de menor altitude, mais quentes. As zonas claras nas fotografias são mais quentes e as zonas escuras mais frias.

 

Os cientistas conseguiram obter maiores informações sobre a localização de Aphrodite Terra, catalogada como a maior região de planalto de Vênus.

 

Descoberta inesperada

 

As câmeras WISPR foram desenvolvidas para a detecção de traços no vento solar que flui do sol. A sonda capturou traços de superfícies claras e escuras através das nuvens.

 

A cientista espacial da Nasa, Giarda Arney afirma que novas imagens fornecem detalhes únicos sobre a superfície e topogafia do planeta. “As imagens WISPR são realmente animadoras, eu acho, pois nos fornecem uma nova janela para a baixa atmosfera e superfície de Vênus, onde existem essa condições extremas”.

 

A pesquisadora afirma que as imagens podem fornecer novos insights sobre a mineralogia do planeta, pois rochas emitem calor de formas diferentes.

 

Assim, é possível identificar se o planeta já foi habitável num passado distante. A sonda Solar Parker está programada para cruzar Vênus mais uma vez durante 2024 quando a Nasa espera obter novas imagens do planeta.

 
Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios