Rui Car
10/05/2022 16h14 - Atualizado em 10/05/2022 16h15

Criciúma inicia Série B com números semelhantes aos do rebaixamento de 2019

São apenas seis jogos, mas semelhanças trazem alerta ao clube carvoeiro

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Celso da Luz / Criciúma EC

Foto: Celso da Luz / Criciúma EC

Delta Ativa

O Criciúma iniciou a Série B do Campeonato Brasileiro com a expectativa alta em virtude de trazer jogadores conhecidos no futebol nacional como o meia-campista Marquinhos Gabriel e até mesmo o atacante Negueba que deixou o clube nessa segunda-feira (09), mas as primeiras rodadas não alegraram o torcedor carvoeiro. Em seis jogos, o Tigre venceu apenas uma partida e os números do início da segunda divisão se assemelham aos das seis primeiras rodadas da última Série B que disputou e que foi rebaixado ao final da temporada. 

 

Em 2019, nas seis primeiras rodadas, o Tigre teve apenas uma vitória, com três derrotas e dois empates, conquistando cinco pontos. Na oportunidade, o Criciúma sofreu revés para Cuiabá, Atlético Goianiense e Botafogo (SP), empatou com Ponte Preta e América (MG) e venceu o Guarani (SP). O time tricolor marcou três gols e sofreu seis. 

 

Já nesta temporada, o Tigre venceu uma, perdeu duas e empatou três confrontos. As derrotas foram para Guarani (SP) e Operário (PR), conquistou três pontos diante do Londrina e empatou com Sport, Novorizontino e CSA. A equipe carvoeira marcou quatro gols e sofreu seis (mesma quantidade de tentos que em 2019).  

 

O time treinado por Cláudio Tencati pode mudar os números no próximo sábado (14), às 11 horas, diante do CRB, no estádio Heriberto Hülse, pela 7ª rodada da Série B. Abaixo as tabelas de 2019 e 2022, sendo que os dados foram coletados do site Meu Time na Rede. 

 

Tabela de 2019 (Foto: Divulgação)

Tabela de 2022 (Foto: Divulgação)

 

Fonte: Rafaela Custódio / Portal Engeplus
Anderle Telhas e Acessórios