04/09/2021 10h28

Marcílio Dias enfrenta o Aimoré em busca da classificação na Série D

Palco da partida será o estádio Doutor Hercílio Luz, o Gigantão das Avenidas em Itajaí

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
Fotos: Bruno Golembiewski / CNMD

Fotos: Bruno Golembiewski / CNMD

PUBLICIDADE
Delta Ativa

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

CLIQUE AQUI

 

Depois de encontrar desafios duros nas 13 partidas da fase de grupo do Campeonato Brasileiro da Série D, o Marcílio Dias não navegará em mares calmos na busca pela classificação do mata-mata da competição. Neste sábado (04), em jogo válido pela 14ª rodada do campeonato, partida que define os classificados para a próxima fase, o Marinheiro recebe o Aimoré (RS) e precisa vencer para ainda ter chances de continuar na competição. O palco da partida será o estádio Doutor Hercílio Luz, o Gigantão das Avenidas em Itajaí. A bola rola a partir das 15h.

 

No primeiro duelo, em que o Marinheiro deu início a sua trajetória na competição, a estreia não foi umas das melhores possíveis, mas sim uma partida para ser esquecida. Jogando no estádio Cristo Rei em São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, o Rubro-Anil foi goleado por 4 a 1 e chegou a assumir a lanterna do Grupo A8 na primeira rodada do campeonato. Agora, com o Aimoré matematicamente desclassificado, a equipe de Itajaí tenta dar o troco no Gigantão das Avenidas.

 

O que o Marinheiro precisa?

 

Atualmente, o Marcílio Dias é o sexto colocado do grupo com 15 pontos. Em 13 partidas, o Rubro-Anil coleciona três vitórias, seis empates e quatro derrotas. Se vencer o Aimoré em Itajaí, a equipe pode chegar aos 18 pontos e ficar ainda mais próxima da classificação.

 

Vencer não basta

 

Além de vencer o seu duelo, o Marinheiro ainda precisa secar Caxias (3° lugar) Juventus (4° lugar) e Esportivo (5°lugar). No duelo entre Caxias (RS) e Juventus no mesmo dia e horário, no estádio Centenário, o Marcílio Dias precisa torcer pela vitória de uma das duas equipes, pois um empate pode colocar ambos na fase mata-mata. Se Caxias e Juventus empatarem, o Marinheiro precisará de uma goleada para desbancar as equipes no saldo de gols.

 

Já no duelo entre o Esportivo (RS) e Rio Branco (PR), lanterna do grupo, também no mesmo dia e mesmo horário, o Marinheiro precisa torcer por um revés do Alviazul em casa, no estádio Montanha dos Vinhedos. Feito esse que é quase impossível, levando em consideração de que a equipe paranaense venceu apenas um duelo em 13 partidas. Porém, um empate no estado gaúcho, também deixa o Marinheiro em condições de classificação, pois o Esportivo tem os mesmos 15 pontos do Rubro-Anil e com um empate chegaria apenas a 16.

 

Foiani comenta que primeiro passo é a vitória

 

Na última quinta-feira (02), o técnico do Marcílio Dias, Paulo Foiani, concedeu entrevista coletiva na sala de imprensa do estádio Doutor Hercílio Luz e comentou sobre esse duro desafio que a equipe vai encontrar pela frente. Na ocasiçao, Foiani foi questionado sobre como Marinheiro está se preparando.

 

O primeiro passo é procurarmos fazer a nossa parte que é vencer. Se houver a possibilidade dentro dessa vitória de ampliarmos placar para fortalecer o saldo de gols será algo importante. Além disso ainda precisamos contar com a sorte de que os resultado possam nos favorecer. Infelizmente estamos chegando na última rodada não dependendo somente de nós mesmos. Mas o futebol já gerou várias surpresas e nada é impossível”, destaca Foiani.

 

Melhorias

 

No último jogo contra o líder da competição, o Marcílio Dias foi superado por 2 a 0 e com dois erros defensivos nas bolas aéreas. Em virtude disso, o treinador comentou que os treinos da semana estão servindo para corrigir os erros para que no último duelo o cenário não se repita.

 

Essa semana tivemos a possibilidade de potencializar isso para corrigir os erros, principalmente na nossa bola aérea defensiva. O vídeo com os erros que tivemos já foi repassado para os atletas, pois é importante além de todos visualizarem, trazermos para o campo de jogo”, ressalta o técnico marcilista.

 

Mudanças na equipe

 

Na entrevista, Foiani também foi questionado sobre as mudanças em relação a equipe que vem atuando e se teria alguma novidade para o jogo de sábado. Com base nisso, o treinador ressaltou que o zagueiro Luan, depois de cumprir suspensão pode retornar à equipe, assim como o volante Moisés. Já na lateral-direita, Foiani pretende começar com Victor Guilherme, novo reforço do Marcílio Dias e que já atuou alguns minutos nas duas últimas partidas.


POR: LUIZ MENDES – ESPORTE SC

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOK YOUTUBE.

 

 

PUBLICIDADE
Anderle Telhas e Acessórios