09/09/2021 16h44 - Atualizado em 09/09/2021 16h45

Presidente da FCF afirma que somente vacinados terão acesso aos estádios em Santa Catarina

Rubens Angelotti espera definição do protocolo sanitário elaborado pela Secretaria de Saúde

PUBLICIDADE
Assistência Familiar Alto Vale
Rubens Angelotti é o presidente da FCF (Foto: Assessoria / FCF)

Rubens Angelotti é o presidente da FCF (Foto: Assessoria / FCF)

PUBLICIDADE
Delta Ativa

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP

CLIQUE AQUI

 

volta da torcida aos estádios de Santa Catarina deve ter, em um primeiro momento, somente pessoas vacinadas. Em entrevista ao Bom Dia Santa Catarina desta quinta-feira (veja acima), o presidente da Federação Catarinense de Futebol (FCF), Rubens Angelotti, afirmou que isso foi um pedido da entidade.

 

Discutimos isso (o protocolo) com o secretário (de Saúde) André Motta e estamos no aguardo. Ainda não temos o protocolo em mãos. Não sabemos se (o acesso) será com uma ou duas vacinas. Esperamos que seja como a gente pediu, com uma ou duas doses. Então, somente vacinados terão acesso aos estádios“, disse Angelotti.

 

autorização para a presença de público em jogos de futebol em Santa Catarina foi anunciada pelo governador Carlos Moisés e passa a valer a partir da próxima quarta-feira, dia 15, apenas para competições organizadas pela FCF e sem efeito para as partidas realizadas no estado pelo Campeonato Brasileiro.

 

Os campeonatos geridos pela CBF terão retorno de torcida assim que todas as cidades que recebem os jogos forem autorizadas a receber público. A previsão é que isso aconteça a partir do dia 2 de outubro para a Série A e também na Série B“, destacou o presidente da FCF.

 

Os jogos da final da Série B do Catarinense, entre Camboriú e Barra, nos próximos dias 15 e 19 de setembro, serão os primeiros com torcida desde março de 2020. A Copa SC, que terá Figueirense, Avaí, Criciúma, Joinville, Marcílio Dias, Juventus, Hercílio Luz e Caçadorense, é outra competição que contará com público.

 

Gostaria de agradecer o governador Carlos Moisés e o secretário (de Saúde) André Motta por entenderem que o futebol não suportava mais ficar com seus estádios vazios. Agora, vamos pedir para que os torcedores respeitem as normas. Ficamos um ano e meio esperando por isso“, pontuou o presidente da FCF.

 

Ainda de acordo com Angelotti, a Federação terá fiscais nos estádios, e os clubes ficarão responsáveis pelas equipes de segurança para possibilitar o respeito das regras a serem estipuladas no protocolo sanitário. O texto pode ser publicado ainda nesta quinta.


POR: CARLOS RAUEN – GLOBO ESPORTE SC

SIGA AS REDES SOCIAIS DA RÁDIO EDUCADORA: INSTAGRAMFACEBOOK YOUTUBE.
PUBLICIDADE
Anderle Telhas e Acessórios