Rui Car
17/11/2022 10h10

Julgamento do caso Vanisse é adiado para 2023 após defesa não comparecer

Sessão do júri estava marcada para esta quinta-feira (17), mas foi remarcada

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Divulgação / MPSC

Foto: Divulgação / MPSC

Delta Ativa

O júri popular dos acusados de matar Vanisse Venturi foi adiado para 2023. O julgamento estava marcado para esta quinta-feira (17), mas foi remarcado após a defesa não comparecer na sessão, em Rio do Sul.

 

De acordo com apuração do Portal ND+, os advogados de defesa dos réus viriam de São Paulo, mas não compareceram. Segundo a Assessoria de Comunicação do MPSC (Ministério Público de Santa Catarina), o advogado entrou em contato afirmando estar se recuperando de uma doença.

 

A nova data do julgamento ficou para 16 de março.

 

Relembre o crime

 

Vanisse Venturi, moradora do município de Agronômica, desapareceu em julho de 2020 e, mais de dois anos após o crime, o corpo da mulher nunca foi encontrado.

 

De acordo com denúncia do MPSC, o próprio marido da vítima a teria assassinado e o cunhado teria sido o responsável por esconder o corpo. A vítima tinha 39 anos quando foi vista pela última vez e era casada há 20 anos com o principal suspeito.

 

Os homens serão julgados pela suposta prática de homicídio duplamente qualificado e ocultação de cadáver.

 

Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios