Rui Car
01/09/2022 14h59

Moradora em situação de rua é encontrada carbonizada em casa abandonada

Inquérito foi aberto pela Polícia Civil para investigar as causas da morte

Assistência Familiar Alto Vale
Imagem ilustrativa (Foto: Divulgação)

Imagem ilustrativa (Foto: Divulgação)

Delta Ativa

A Polícia Civil investiga o caso de uma jovem de 29 anos, em situação de rua, que foi encontrada carbonizada atrás de uma casa abandonada em Criciúma, no Sul de Santa Catarina. O caso ocorreu na manhã desta quarta-feira (31) e uma das hipóteses, segundo o delegado André Milanese, é de feminicídio. 

 

Segundo a Polícia Militar, o corpo foi localizado por volta das 7h15, no bairro Santo Antônio. O reconhecimento foi feito por uma prima da vítima que disse à equipe que, durante a madrugada, viu a mulher passar pela rua. Porém, ao chegar no trabalho, já pela manhã, encontrou o corpo atrás da casa. 

 

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso. De acordo com o delegado André Milanese, ainda não se sabe a motivação do crime. Além disso, a polícia aguarda o resultado dos laudos para identificar se a mulher foi morta antes de ser carbonizada. 

 

 

A investigação também apura se a agressão de dois homens, no bairro Teresa Cristina, tem relação com a morte da mulher. Isto porque, segundo a PM, as vítimas alegaram que foram agredidas por cerca de dez homens que chegaram no local os acusando de matar a mulher.

 
 

Os homens tiveram as pernas e braços quebrados, e receberam atendimento do Samu. Em depoimento, no entanto, eles negaram ligação com a morte da mulher. O caso também será investigado pela Polícia Civil. 

Fonte:NSC
Anderle Telhas e Acessórios