Rui Car
07/11/2022 09h29 - Atualizado em 07/11/2022 09h30

TSE suspende vídeo de argentino sobre suposta fraude nas urnas

Corte Eleitoral desmentiu suspeita de fraude citada em live de Fernando Cerimedo

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Reprodução / YouTube

Foto: Reprodução / YouTube

Delta Ativa

Tribunal Superior Eleitoral suspendeu o vídeo do canal La Derecha Diário no YouTube sobre supostas fraudes nas eleições brasileiras

 

Durante live na sexta-feira, o argentino Fernando Cerimedo – amigo de Eduardo Bolsonaro – disse ter recebido um relatório com suposta auditoria que aponta que cinco modelos de urnas eletrônicas usadas na eleição deste ano registraram mais votos para Lula do que para Jair Bolsonaro.

 

Em nota, o TSE desmentiu o conteúdo do canal e citou ao menos cinco auditorias realizadas nas urnas eletrônicas desde 2012, destacando os nomes das empresas responsáveis pelos procedimentos.

 

“Não é verdade que os modelos anteriores das urnas eletrônicas não passaram por procedimentos de auditoria e fiscalização. Os equipamentos antigos já estão em uso desde 2010 (para as urnas modelo 2009 e 2010) e todos foram utilizadas nas Eleições 2018. Nesse período, esses modelos de urna já foram submetidos a diversas análises e auditorias, tais como a Auditoria Especial do PSDB em 2015 e cinco edições do Teste Público de Segurança (2012, 2016, 2017, 2019 e 2021).”

 

Bolsonaro não desistiu.

 

Fonte: O Antagonista / UOL
Anderle Telhas e Acessórios