Rui Car
13/09/2022 10h37 - Atualizado em 14/09/2022 09h57

“Você vai fazer muita falta”; familiares se despedem de homem encontrado morto em Taió

Vítima tinha sido vista pela última vez com outros dois suspeitos em uma lanchonete na noite de domingo (11)

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Divulgação / Redes sociais

Foto: Divulgação / Redes sociais

Delta Ativa

Celso Donizete Fonseca foi encontrado morto amordaçado e com marcas de queimadura na manhã desta segunda-feira (12), em Taió. A vítima tinha 47 anos e havia sido vista pela última vez com outros dois suspeitos em uma lanchonete na noite de domingo (11).

 

Familiares se despediram de Celso pelas redes sociais. Confira algumas das mensagens:

 

“Descanse em paz, primo. A família fica sem chão”;
“Descanse em paz, meu Herói! Eu te amarei eternamente, Pai”;
Luto por meu irmão. Que triste mais uma estrela no céu. Foi em paz, está com o pai e a mãe. Que Deus nos dê força”;

“Descanse em paz meu tio, amigo, pai. Você vai fazer muita falta. Eu te amo eternamente.”

 

Segundo a Funerária Taioense, a cerimônia de despedida acontece na Capela Mortuária Cristo Rei, onde será a celebração de corpo presente nesta terça-feira (13), às 17 horas, seguindo logo após para o Cemitério Campo Santo.

 

Caso

 

A Polícia Militar foi acionada por volta de 06 horas na localidade de Fazenda São Jacó para atender um desaparecimento. Quando a PM chegou no local, constatou haver o corpo de um homem caído em um riacho.

 

Celso foi encontrado caído de costas para cima, com a cabeça dentro da água. Testemunhas relataram aos policiais militares que encontraram o corpo.

 

Outras pessoas também informaram que o homem foi visto na noite de domingo para segunda-feira com outros dois suspeitos em uma lanchonete. No entanto, ninguém soube informar quem eram os outros dois homens.

 

Perícia

 

A PM também encontrou o carro VW/SpaceFox Sport, que foi isolado para perícia. O automóvel estava a aproximadamente 500 metros de distância do corpo. Testemunhas informaram que haviam mexido no carro. O veículo estava com o pneu furado e o retrovisor esquerdo quebrado, além da lataria amassada.

 

A perícia retirou o corpo do homem do local e constatou que ele estava amordaçado e com parte do corpo queimado. O veículo foi removido ao pátio para perícia e o corpo ficou aos cuidados da Polícia Científica, antigo IGP.

 

As identidades dos autores do crime e possíveis motivações serão investigadas pela polícia.

 

Fonte: O Município / Rádio Educadora 90,3 FM
Anderle Telhas e Acessórios