Rui Car
26/12/2021 15h03

Criminosos picham “Chuveirão da Havan” em praia catarinense

Em nota, a Havan lamentou o ocorrido

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Reprodução / Redes Sociais

Foto: Reprodução / Redes Sociais

Delta Ativa

O “Chuveiro da Havan” implantado na praia de Canasvieiras, na terça-feira (21), em Florianópolis, amanheceu pichado nesta sexta-feira (24). O chuveirão chamou a atenção de turistas e moradores da região durante a semana e viralizou nas redes sociais. Em nota, a Havan lamentou o ocorrido. “Vemos mais um exemplo de que quando faltam argumentos, algumas pessoas partem para violência, para a destruição. Isso é crime…“, disse a empresa.

 

O chuveirão da Havan é gratuito para toda a população, mas se não agrada a eles, o resto que se dane. Vivem de narrativas, que não se sustentam na prática. Já providenciamos a pintura e vamos deixar tudo em ordem. Do jeito que eles não suportam”, finaliza a nota.

 

O equipamento, ao estilo da Casa Branca Americana, foi instalado e estará à disposição dos banhistas para uso gratuito durante 30 dias.

 

Repercussão do chuveirão

 

O dono da Havan, Luciano Hang, diz que ficou surpreso com o sucesso da iniciativa. “Desde segunda-feira temos recebido diversos pedidos de colocar mais chuveiros. Recebemos ofícios e dezenas de pedidos nas redes sociais. Estamos estudando a possibilidade de colocar em todo o litoral brasileiro. Ficamos muito felizes com essa repercussão. A Havan realmente é uma empresa muito querida”, comenta.

 

 

A colocação do chuveiro é uma ativação de marca e é resultado de uma parceria com a Voe, empresa que tem o direito de exploração de marcas na orla de Florianópolis. Além do equipamento, ao longo do verão, outras ações devem ser feitas no litoral, como distribuição de brindes e disponibilização de áreas para prática de esportes.

 

Confira a nota da Havan na íntegra:

 

Lamentamos muito o ocorrido. Vemos mais um exemplo de que quando faltam argumentos, algumas pessoas partem para violência, para a destruição. Isso é crime…

 

Mas é assim que a extrema esquerda pensa e age. Desordem e destruição. Se não podem construir e crescer com o suor do próprio trabalho, destroem as coisas dos outros.

 

O chuveirão da Havan é gratuito para toda a população, mas se não agrada a eles, o resto que se dane. Vivem de narrativas, que não se sustentam na prática. Já providenciamos a pintura e vamos deixar tudo em ordem. Do jeito que eles não suportam.

 

Fonte: SCC10
Anuncie Aqui