Rui Car
08/08/2022 09h49

Avaí segura o Corinthians, mas termina rodada a um ponto do Z4 da Série A

Leão saiu na frente do Timão que, na segunda etapa, conseguiu o empate

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Frederico Tadeu / Avaí

Foto: Frederico Tadeu / Avaí

Delta Ativa

Avaí empatou em 1 a 1 com o Corinthians, em noite molhada de futebol no estádio da Ressacada, em Florianópolis. Apesar de conter a série de três derrotas, o Leão da Ilha aumentou seu jejum de vitórias e quase entrou no Z4 nessa rodada. Já Corinthians viu o rival e líder Palmeiras aumentar a distância no topo da tabela.

 

História do jogo

 

O sábado não começou da maneira que os avaianos gostariam: Arthur Chaves, fora do grupo de relacionados, foi retirado em meio a uma negociação com o futebol europeu.

 

O colunista Fábio Machado já havia antecipado a saída do zagueiro que é a grande “joia” neste elenco azurra.

 

9º pênalti marcado

 

O Avaí entrou em campo com uma postura bastante agressiva frente aos jogadores do Corinthians. Com um trabalho de muito vigor, o time do Leão apertou os visitantes ao longo dos 15 primeiros minutos.

 

Apesar da condição de sufocamento sobre o adversário, o Avaí não conseguiu “agredir” o Cássio. O goleiro do Timão mais acompanhou o Leão da Ilha do que, propriamente, precisou intervir.

 

O Corinthians, aos poucos, emparelhou as ações e, dos 21 minutos, em diante, o Timão passou a apertar o Avaí.

 

A situação se inverteu e, sem a bola, o time de Barroca especulou em nome de um contra-ataque. Esse momento chegou: aos 32′ Potkker tirou proveito de uma bola roubada e avançou, até ter as pernas “trançadas” pelo paraguaio Balbuena.

 

Pênalti para o Avaí, o 11º nesta Série A 2022. Bissoli, pela sexta vez, foi ora ela e tocou no lado contrário do gigante Cássio. Aberto o placar para o delírio de, mais uma noite, estádio da Ressacada lotada.

 

Cenário repetido

 

A segunda etapa, como tem sido a tônica no Avaí, trouxe um recuo do time de Eduardo Barroca. O adversário, que é vice-líder da competição e não à toa, gostou da oportunidade e passou a jogar dentro do campo do Avaí.

 

O gol de empate, foi só questão de tempo: escanteio cobrado pelo lado esquerdo de ataque, com Renato Augusto, que achou Valbuena, na primeira trave, para superar Vladimir. Empate do Corinthians.

 

Próxima parada

 

O Leão da Ilha visita o Goiás, no outro sábado (13), a partir das 16h30. O Corinthians tem um clássico contra o Palmeiras, no outro sábado, às 19h. Antes disso, no entanto, tenta um “milagre” diante do Flamengo, na próxima terça, pela Copa Libertadores.

 

FICHA TÉCNICA

 

Avaí: Vladimir; Kevin (Renato), Bressan, Vaz e Cortez; Bruno Silva, Eduardo (Jean Pyerre) e Raniele; Muriqui (Lucas Ventura), Bissoli (Paolo Guerrero) e Pottker. Técnico: Eduardo Barroca.

 

Corinthians: Cássio; Rafael Ramos, Gil, Balbuena e Fábio Santos (Yuri Alberto); Cantillo, Ronny (Renato Augusto), Giuliano (Fausto Vera), Mosquito (Ramiro); Pitón, Róger Guedes. Técnico: Vitor Pereira.

 

Gol: Bissoli (35/1T); Valbuena (32/2T)

 

Cartões amarelos: Vladimir, Muriqui (AVA); Fausto Vera (COR)

 

Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio (FIFA) apita a partida, auxiliado por Bruno Raphael Pires (FIFA) e Bruno Boschilia (FIFA); Daniel Nobre Bins (RS) foi o responsável pelo VAR.

 

Local: estádio da Ressacada, em Florianópolis. Data: 06/08/22.

 

Público e renda: 12.648 torcedores para uma renda de R$ 646.575,00

 
Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios