Rui Car
01/08/2022 14h23

Brusque tem gol de pênalti anulado nos acréscimos e empata com o Cruzeiro na Série B

Fim do jogo foi marcado por críticas ao árbitro

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC

Foto: Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC

Delta Ativa

Em jogo com final “maluco”, Brusque e Cruzeiro empataram por 0 a 0 na manhã deste sábado (30), em duelo válido pela 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

 

A equipe catarinense chegou a abrir o placar de pênalti, nos acréscimos do segundo tempo, porém, o gol foi anulado por toque duplo na bola de Gabriel Taliari.

 

Com o resultado, o Quadricolor chega aos 24 pontos, na 12ª posição. Já a equipe mineira chega aos 46 e segue na liderança isolada.

 

O jogo

 

Brusque e Cruzeiro fizeram um primeiro tempo equilibrado no estádio Augusto Bauer, com chances de gols criadas por ambas as equipes.

 

O registro curioso da primeira metade do jogo foi o VAR. A partida iniciou sem a tecnologia, porém, ao longo dos 45 minutos, foi voltando a funcionar parcialmente.

 

A primeira boa chegada foi dos visitantes. Após boa trama pelo lado direito, Stênio cruzou e Bidu pegou bonito de vôlei, mas a zaga dos Brusque conseguiu afastar.

 

O Brusque respondeu aos 17 minutos. Rodolfo mandou uma bomba na cobrança de falta e Rafael Cabral pegou firme no meio do gol.

 

Aos 31′, foi a vez de Fernandinho, o melhor em campo pelo lado do Quadricolor, assustar a equipe mineira. Airton cobrou falta na primeira trave e o camisa 11 subiu mais que zaga cruzeirense para cabecear com perigo próximo ao gol.

 

Foi com Álvaro a melhor chance da equipe catarinense no primeiro tempo. Alex Sandro conseguiu boa escapada pelo lado esquerdo, rolou para trás e Álvaro, livre, acabou finalizando no meio do gol para boa defesa de Rafael Cabral.

 

Ainda antes do intervalo, o “Cabuloso” quase chegou ao gol. Bruno Rodrigues recebeu de Edu na entrada da área, limpou a marcação e finalizou, abola desviou na zaga e Jordan evitou o gol.

 

Segundo tempo

 

A primeira chegada do Marreco na segunda etapa veio com Alex Ruan. Ele recebeu pela direita, limpou o marcador e bateu com perigo por cima do gol.

 

Aos 14′ o Cruzeiro respondeu. Bidu cobrou escanteio, a bola passou por toda a zaga e Siles finalizou em cima da zaga do Brusque.

 

Aproveitando vacilos da equipe mineira na saída de bola, Fernandinho quase marcou. O camisa 11 ganhou de Neto Moura e finalizou rasteiro com a bola passando rente à trave direita de Rafael Cabral.

 

Pênalti, festa e polêmica

 

Quando a partida já se encaminhava para o fim, a arbitragem flagrou toque de mão de Oliveira dentro da área: pênalti para o Brusque aos 45 do segundo tempo.

 

Gabriel Taliari deslocou Rafael e saiu para a festa da torcida. No entanto, o VAR flagrou toque duplo do jogador do Brusque. A bola bateu primeiro no pé esquerdo e depois no direito dele, e anulou o gol.

 

O fim de jogo foi marcado por muita bronca da torcida do Quadricolor contra a arbitragem e gritos de “vergonha”.

 

FICHA TÉCNICA:

 

Brusque 0x0 Cruzeiro – 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

 

BRUSQUE: Jordan; Pará (Edilson), Éverton Alemão, Wallace Reis e Airton; Rodolfo Potiguar, Wagner Balotelli e Álvaro (Gabriel Taliari); Alex Ruan (Paulo Baya), Fernandinho (Jailson) e Alex Sandro (Patrick). Técnico: Luan Carlos

 

CRUZEIRO: Rafael Cabral; Geovane (Rômulo), Zé Ivaldo, Oliveira e Bidu; Pablo Siles (Fernando Canesin), Neto Moura (Luvannor) e Machado; Stênio (Chay), Bruno Rodrigues e Edu (Breno). Técnico: Paulo Pezzolano

 

Cartões amarelos: Alex Ruan (BRU); Geovane (CRU) e Zé Ivaldo (CRU)

 

Local: estádio Augusto Bauer, em Brusque

 
 
Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios