Rui Car
13/06/2022 15h50

Figueirense esbarra na falta de pontaria e só empata com o Confiança

Time de Júnior Rocha não teve competência para furar o bloqueio do time adversário

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Patrick Floriani / Figueirense

Foto: Patrick Floriani / Figueirense

Delta Ativa

O Figueirense não conseguiu superar a retranca do Confiança e empatou em 0 a 0, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, na noite gelada deste domingo (12).

 

Apesar de todo o sentimento festivo ao redor do clube e do estádio Orlando Scarpelli, o time de Júnior Rocha não conseguiu tirar o zero do placar.

 

Apesar da frustração pelo empate sem gols, o Furacão do Estreito chegou ao 5º jogo de invencibilidade na competição e chegou aos 17 pontos, na 5ª colocação.

 

O Confiança, no outro extremo, pode celebrar o pontinho que o deixou fora do Z4, com 10 pontos, na 16ª colocação.

 

O jogo

 

Embalado pelo seu torcedor que compareceu em bom número no estádio Orlando Scarpelli, o Figueirense entrou em campo com a ‘obrigação’ de vencer.

 

Além de uma sequência de quatro jogos sem derrota, a disputa na parte de cima, o clube fechou neste dia 12 de junho seu 101º ano de história, uma marca e tanto.

 

A expectativa por celebrar o aniversário, com três pontos, refletiu em bom público no estádio e uma equipe bastante envolvida, sobretudo, nos primeiros minutos de bola rolando.

 

Pressão do Figueirense

 

Em lados opostos na tabela e na temporada, Figueirense e Confiança seguiram à risca o “protocolo” do encontro, quando há, entre equipes nas respectivas posições.

 

Dono da bola, das ações e de todos os movimentos de ataque, o Figueirense apertou seu adversário e rondou a área sem muita efetividade. Entre algumas intervenções do goleiro e bolas alçadas, o time esteve sempre mais próximo do gol que seu adversário.

 

Aos poucos, no entanto, o time ainda se manteve como dono das ações mas passou a enfrentar mais dificuldade para penetrar na zaga adversária.

 

Segundo tempo

 

A segunda etapa o panorama foi semelhante, apesar das chances, para o Figueirense, acontecerem de maneira mais contundente. A melhor delas veio aos 25′ com Oberdan que recebeu uma bola de fora da área mandou uma ‘pedrada’, onde ela bateu no travessão e no chão.

 

A ansiedade passou a tomar conta dos jogadores que passaram a errar lances mais “simples” de execução como passes curtos e até arremessos laterais.

 

Apesar da pressão, o Figueirense não conseguiu tirar o zero do placar.

 

Próxima parada

 

O Figueirense atravessa o Brasil para encara o Manaus, no próximo sábado (18), em duelo da 11ª rodada. Já o Confiança recebe o Campinense-PB, no Sergipe, também no sábado

 

FICHA TÉCNICA

 

Figueirense: Wilson; Muriel, Maurício, Luis Fernando e Zé Mário (Mário Henrique); Serginho (Clayton), Oberdan e Jhon Cley; Rodrigo Bassani (Léo Arthur), Gustavo Ramos (Gustavo Henrique) e Andrew (Paolo). Técnico: Júnior Rocha.

 

Confiança: Ewerton; Carlos Eduardo (Cascardo), Raphael, Adryan e Raí; Bruno Camilo, Tatavitto (Oliveira), Alyson (Negueba) e Ítalo; Baggio (Lucas Gabriel) e Tcharles (Luiz Otávio). Técnico: Felipe Maestro.

 

Gols: –

 

Cartões amarelos: Luis Fernando, Jhon Cley (FIG); Ítalo, Negueba, Tcharles (CON)

 

Arbitragem: José Mendonça da Silva Junior (PR) apita a partida, auxiliado por Joao Fabio Machado Brischiliari (PR) e Andrey Luiz de Freitas (PR); Fernando Henrique de Medeiros Miranda (SC) será o quarto árbitro.

 

Público e renda: 6.582 torcedores para uma renda de R$ 174.338,00

 
 
Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios