Rui Car
27/05/2022 10h40

Nenê sobra e Vasco impõe quinta derrota ao Brusque na Série B

Marreco visitou o Gigante da Colina no "caldeirão" formado em São Januário e viu Nenê comandar a vitória cruz-maltina

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Daniel Ramalho / Vasco da Gama

Foto: Daniel Ramalho / Vasco da Gama

Delta Ativa

Brusque foi ao Rio de Janeiro para encarar o Vasco mas não resistiu ao “caldeirão” formado em São Januário, na noite desta quinta-feira (26). Foi a quinta derrota do Quadricolor na Série B, todas longe de Santa Catarina.

 

Nenê, em noite inspirada, marcou duas vezes e deu números finais ao placar. Com o resultado o Gigante da Colina subiu para a vice-liderança, o Brusque estacionou nos oito pontos e deve perder posições até o término da 9ª rodada.

 

O jogo

 

O Brusque até que tentou, mas não resistiu ao time da casa e único invicto nesta Série B. Outo tabu pesou em desfavor dos catarinenses: todas as derrotas da equipe foram contabilizadas longe de Santa Catarina. Na noite desta quinta, não foi diferente.

 

 

Apesar da derrota o técnico Luan Carlos montou um time ousado para encarar o Vasco. Improvisou dois laterais mais ofensivos para ampliar a linha de ataque, com Toty e Alex Ruan.

 

O começo dos catarinenses foi melhor, inclusive, depois que a equipe criou duas chances de abrir o placar.

 

Aos poucos e no embalo do seu fanático torcedor, o time de Zé Ricardo foi tomando conta do jogo. Nenê, mesmo que com 40 anos, ainda é o maestro da equipe e o resultado foi dois gols do camisa 10.

 

 

Com um tento em cada uma das etapas, o Vasco consolidou seu resultado, marcou mais de um gol pela primeira vez na competição e subiu à vice-liderança da Série B.

 

Próxima parada

 

O Brusque volta a campo no outro sábado (04), o primeiro do mês de junho, para receber o Náutico, a partir das 11h. O Vasco, dois dias antes, recebe o Grêmio, mais uma vez, em São Januário. O duelo está marcado para às 20h.

 

FICHA TÉCNICA

 

Vasco da Gama: Thiago Rodrigues; Weverton, Quintero, Anderson Conceição e Edimar; Yuri Lara (Zé Gabriel), Andrey dos Santos (Matheus Barbosa) e Nenê; Gabriel Pec, Raniel (Getúlio) (Jhon Sánchez) e Palácios (Figueiredo). Técnico: Zé Ricardo

 

Brusque: Jordan; Pará (Jailson), Bruno Aguiar, Wallace Reis e Airton (Kaio Nunes); Zé Mateus (Luiz Antônio), Rodolfo Potiguar, Toty e Alex Ruan; Júnior Todinho (Álvaro) e Alex Sandro. Técnico: Luan Carlos.

 

Gols: Nenê (40/1T e 16/2T)

 

Cartões amarelos: Nenê (VAS); Wallace Reis, Airton, Pará, Toty, Jailson (BRU)

 

Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN); auxiliado por Jean Márcio dos Santos (RN) e Lorival Candido das Flores (RN).

 

Local: estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ). Data: 26/05/22

 

Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios