Rui Car
04/12/2022 14h55

Técnico da Coreia do Sul vê Brasil favorecido antes das oitavas e critica FIFA

Paulo Bento reclamou por causa do tempo de descanso entre o último jogo da fase de grupos e o primeiro do mata-mata

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Rodrigo Jiménez / EFE

Foto: Rodrigo Jiménez / EFE

Delta Ativa

O técnico Paulo Bento, da Coreia do Sul, afirmou que a Seleção Brasileira entrará em campo já com uma vantagem no duelo marcado para esta segunda-feira (05), às 16 horas (de Brasília), pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2022.

 

Em entrevista coletiva, o português reclamou com a FIFA por causa do tempo de descanso entre o último jogo da fase de grupos e o primeiro do mata-mata – assim como os brasileiros, os sul-coreanos jogaram na sexta-feira passada. A diferença, no entanto, é que Tite conseguiu preservar seus atletas considerados titulares diante de Camarões, enquanto os asiáticos só conseguiram a vaga nos acréscimos do embate com Portugal. 

 

Os jogadores estão identificados com o que pretendemos. Vamos tentar passar. Não temos tempo para preparar [uma estratégia especial] passadas 72 horas após o desgaste físico dos jogos anteriores, do desgaste emocional. Por isso, termos dado folga aos jogadores”, lamentou Paulo Bento.

 

Creio que isso é um problema grande para as equipes. Para nós, um pouco maior que para o Brasil, que mexeu na equipe [na última fase]. É completamente diferente do que pudemos fazer no último jogo. É algo que não lembro [na Copa] se olharmos para 2018. Não lembro de, após a fase de grupos, ter jogos em um intervalo de 72 horas. Não me lembro, é algo inumano, não é algo justo. É algo que a FIFA pretende, ir criando menos condições para aqueles que têm menos condições. E dando mais condições para aqueles que têm mais condições”, completou o treinador, que teve rápida passagem pelo futebol brasileiro, no Cruzeiro, em 2016.

 

O vencedor do duelo enfrentará quem passar de Croácia x Japão.

 

Fonte: Jovem Pan
Anuncie Aqui