Rui Car
05/03/2023 11h23 - Atualizado em 05/03/2023 11h24

Aranha com veneno mais letal do mundo é capturada em Vitor Meireles

Aranha-armadeira foi encontrada em uma casa e retirada do local pelos Bombeiros Voluntários

Assistência Familiar Alto Vale
Fotos: Divulgação / BVVM

Fotos: Divulgação / BVVM

Delta Ativa

Os Bombeiros Voluntários de Vitor Meireles foram acionados por um morador que encontrou uma aranha dentro de sua casa, na rua Gertrudes Howe, no Centro da cidade. O fato aconteceu por volta das 12h40 deste sábado (4) e o morador fez contato com um dos bombeiros para tentar identificar qual seria a espécie do animal.

 

Em consulta com biólogos, os bombeiros identificaram o aracnídeo como sendo do gênero Phoneutria sp, popularmente conhecida como aranha-armadeira. Os socorristas se assustaram ao perceber que a aranha pertence à espécie considerada como a mais peçonhenta do mundo.

 

Após o resgate, o animal foi devolvido ao seu habitat natural. De acordo com os bombeiros, além da aranha-armadeira, a aranha-marrom também é uma espécie encontrada com frequência no Alto Vale do Itajaí.

 

Nenhuma descrição de foto disponível.

 

Saiba mais sobre a aranha-armadeira

 

A espécie é considerada a aranha mais letal do mundo, com a ação da toxina neurotóxica, que afeta o sistema nervoso. O aracnídeo assume posição de defesa e consegue saltar a até 40 cm de distância, levantando as patas dianteiras, sendo extremamente agressivo. Seu corpo pode atingir 4 cm, com 15 cm de envergadura.

 

Em questão de ação do veneno da aranha, ele é mais tóxico que o de outras espécies, como viúva-negra, aranha marrom e aranha teia de funil. De acordo com os bombeiros, na região do Alto Vale do Itajaí, ela é encontrada mais comumente em bananeiras.

 

Fonte: ND+
Anuncie Aqui