Rui Car
08/11/2022 09h02 - Atualizado em 08/11/2022 09h07

Vereador suspeito de matar empresário a facadas em Dona Emma deve se apresentar à polícia

Testemunhas serão ouvidas pela Polícia Civil

Assistência Familiar Alto Vale
Foto: Divulgação / Câmara de Dona Emma

Foto: Divulgação / Câmara de Dona Emma

Delta Ativa

Valdir Siqueira (MDB), vereador do município de Dona Emma, é suspeito de matar a facadas o empresário Luciano Mafassoli, de 47 anos, no último sábado (05) em um bar da cidade após uma discussão por conta de uma aposta política.

 

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Juliano Tumitan, a aposta envolvendo o resultado das urnas era de R$ 5 mil reais e foi quitada pela vítima. “O crime teria ocorrido após uma discussão entre o suspeito e a vítima, que descordavam do resultado da eleição presidencial”.

 

Vereador suspeito de matar empresário a facadas deve se apresentar à polícia nesta semana – Foto: Foto: Divulgação/Bombeiros Voluntários de Presidente Getúlio/ND

Foto: Montagem / Divulgação / BVPG

 

Segundo informações da Polícia Civil, o vereador teria ido ao banheiro e voltou para cumprimentar as vítimas, que estavam na parte externa do bar. Somente dois deles responderam, enquanto o empresário teria dito que não o cumprimentaria.

 

Após uma discussão, o vereador e presidente da Câmara de Vereados de Dona Emma, Valdir Siqueira, teria ido até o carro, onde pegou a faca utilizada no crime. A faca ainda não foi encontrada pela Polícia Civil.

 

Próximos passos nas investigações

 

O inquérito policial já foi instaurado. De acordo com informações do delegado responsável, o vereador deve se apresentar à polícia nesta semana.

 

A Câmara de Vereadores de Dona Emma informou a nossa reportagem que fará uma reunião na tarde desta segunda-feira (07) com a sua assessoria jurídica e com o assessor da UCAVI (União de Câmaras e Vereadores do Alto Vale do Itajaí) para analisar os próximos passos e trâmites.

 

Duas testemunhas já foram ouvidas. A Polícia Civil aguarda agora, o depoimento dos outros dois homens que também foram feridos, um 38 e outro de 58 anos, que já foram liberados do hospital.

 

De acordo com a Polícia Civil, eles seriam funcionários do empresário Luciano Mafassoli. O primeiro, Fábio Minich, teria levado duas facadas nas costas. O segundo homem seria o motorista do empresário, Alcides Gesser, que levou uma facada de raspão na barriga.

 

Fonte: ND+
Anderle Telhas e Acessórios